Programação
As Madonas Negras

Com Eliana Atihé
23 de setembro de 2017, sábado, das 10h às 16h

Do Antigo Egito à Europa medieval, a imagem da Mãe com seu Filho Divino cruzou fronteiras, sobreviveu a calamidades e chegou até nós, viva e pulsante, encravada no cerne do cristianismo patriarcal.

Ísis, Kali, Guadalupe, Pachamama e outras Grande Mães negras e mestiças, pagãs e cristãs, nos convidam a pensar sobre o sagrado que pulsa na Matéria do mundo e nas profundezas do Corpo, em busca de uma espiritualidade encarnada que nos permita trocar a ânsia de perfeição pelo desejo de totalidade. As reflexões da psicoterapeuta junguiana Marion Woodman nos servirão de referência neste breve encontro.




 

 


 

Docente
Eliana Atihe, Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo (USP) e professora de Português. Desde a infância, as imagens da mitologia a acompanham, guiando sua vida, seu percurso acadêmico e iluminando sua experiência como professora. Atualmente é parceira do Ateliê Ocuili de Arte e Cultura, onde coordena grupos de leitura que se reúnem semanalmente para dialogar e conviver em torno de autores e narrativas que nos ajudam a “fazer alma” e a viver conscientemente.