Quem Somos Palas Athena

A Palas Athena promove, agencia e incuba programas e projetos nas áreas de Educação, Saúde, Direitos Humanos, Meio Ambiente e Promoção Social, com a finalidade de aprimorar a convivência humana por meio da aproximação de culturas e articulação dos saberes.


Fundada em 1972, é uma organização da sociedade civil e sem fins lucrativos, declarada de utilidade pública por órgãos oficiais.


Não é subvencionada pelo governo, nem por instituições nacionais ou internacionais de quaisquer naturezas. Desenvolve, desde sua fundação, atividades e projetos diversos, sempre com recursos provindos da autogestão.


Em 1999 a Associação Palas Athena firmou termo de cooperação com a UNESCO criando o Comitê Paulista de Divulgação do Manifesto 2000. Diante da grande mobilização que se seguiu, teve início o Comitê Paulista para a Década da Cultura de Paz, que promoveu 85 fóruns mensais ao longo dos anos 2000 – 2010, abrindo o espaço de discussão em torno dos 8 eixos da Cultura de Paz propostos pela UNESCO. O histórico desses fóruns e gravações em áudio se encontram no site www.comitepaz.org.br , onde também foram reunidos e traduzidos para o português os principais documentos internacionais que formam a base jurídica do movimento de Cultura de Paz no mundo, bem como textos de especialistas outros materiais didáticos sobre o assunto. O Comitê de Cultura de Paz continua em atividade e promove fóruns mensais no MASP.


MISSÃO

Aprimorar a convivência humana desenvolvendo ações educativas por meio da aproximação das culturas e articulação dos saberes.


VISÃO

Contribuir na geração e articulação de conhecimentos e práticas que promovam a cultura da convivência.


PRINCÍPIOS

- Ética da responsabilidade
Propiciar o cultivo do desenvolvimento pessoal, fundado na autonomia e na responsabilidade individual, voltado para a participação comunitária.


- Multiculturalidade

Promover o diálogo e o entendimento para a coexistência das diversas tradições culturais e espirituais, e a capacidade humana de acolher outras visões de mundo sem rejeitar ou negar sua cultura original.


- Transdisciplinaridade

Desenvolver uma educação fundada na compreensão da natureza humana, de suas atividades e expressões, na interdependência dos meios nos quais nasce e se insere: biológico, geográfico, histórico-cultural e espiritual.